Quem Somos

A Nossa Instituição

Mais de 27 anos a garantir o bem-estar e a qualidade de vida das Pessoas Surdas

Associação de Surdos do Porto (ASP), sendo uma Instituição Particular de Solidariedade Social (IPSS), mantém os mesmos objetivos desde a sua criação, que é defender os Direitos das Pessoas Surdas para que fiquem em pé de igualdade dos demais cidadãos, bem como zelar pelos seus deveres.

A nossa missão passa por garantir o bem-estar e a qualidade de vida das Pessoas Surdas, respeitando sempre as particularidades e características únicas de cada uma, independentemente da sua origem, valores, ideologia e religião. O nosso escopo não se limita ao âmbito nacional, uma vez que a ASP está disponível para atender surdos de outras nacionalidades que residam em território nacional ou estejam de passagem, bem como projetos e parcerias com congéneres de outros países.



Assim, a ASP cumpre os seus objetivos através da defesa do total acesso das Pessoas Surdas à informação e à comunicação em todas as áreas das suas vidas. Uma vez que o conceito da deficiência, para nós, implica a existência de uma ponte incompleta entre a Comunidade Surda e a sociedade, já que a maioria dos surdos, geralmente, não se identificam como pessoas com deficiência, significa isso que a nossa atividade traduz-se na ultrapassagem da principal barreira, que é de natureza linguística — por outras palavras, há uma necessidade imperativa das Pessoas Surdas poderem desfrutar da Língua Gestual Portuguesa (LGP) no quotidiano, em qualquer contexto e para todos os efeitos. É esta a meta que almejamos desde a data da nossa fundação em 1958.

Nesta defesa, procuramos preservar fundamentalmente a Língua, a Cultura e a Identidade da Comunidade Surda portuguesa, através da sua valorização, difusão e informação. Significa isso que, para estes efeitos, defendemos a qualidade da educação e do ensino bilingue e bicultural para todos os alunos surdos, e a qualidade de formação geral, profissional e académica na área da Língua Gestual Portuguesa.

Por fim, a atividade da APS não se limita apenas aos seus associados, mas a quaisquer indivíduos da Comunidade Surda, independentemente de serem crianças, adolescentes, jovens, adultos ou seniores, e estende-se também a terceiros, como pais, familiares e amigos de surdos, sem excluir pessoas que, não tendo nenhuma relação com a Comunidade Surda, apresentem interesse genuíno pela mesma.

De forma a moldar as suas atribuições e competências na prática, a ASP dispõe de um espaço próprio para a prossecução do interesse público quanto às Pessoas Surdas. O espaço serve, também, para a realização de atividades e eventos para os seus associados, sendo estes de índole científica, cultural, desportiva ou de mera convivência, ao nível nacional e internacional.

Dados da Associação


Denominação:    ASSOCIAÇÃO DE SURDOS DO PORTO     NIPC    503813630 Natureza Jurídica    Instituição Privada de Solidariedade Social sem fins lucrativos Contactos    Centro de Atendimento e Encaminhamento    Rua Dr. José Marques, 113-C.    4300-271 Porto    Telefone 225102390 – Fax 225103642    asurdosporto@asurdosporto.org.pt    www.asurdosporto.org.pt    Vídeoconferência: 225103644    Telefone de Texto (TTD): 225103643     Centro de Integração Profissional  para Surdos    Rua Dr. José Marques, 99-C    4300-271 Porto    Telefone 225189973 – Fax 225103642    cips@asurdosporto.org.pt    www.asurdosporto.org.pt
Data da Constituição    9 de Agosto de 1995    Sucessora de    Grupo Recreativo de Surdos-Mudos do Porto (1934-1951)    Grupo Desportivo Surdos-Mudos do Porto (1951-1974)    Associação Portuguesa de Surdos-Porto (1974-1995) Actividades Principais    Representação e Defesa da População Surda    Ensino e Formação Profissional    Apoio Social à Comunidade Surda CARACTERIZAÇÃO Área geográfica abrangida    Regional    Todos os Concelhos da Região Norte    (com actividades extensivas a todo o País) Âmbito do atendimento    Comunidade Surda    Famílias de Pessoas Surdas    Comunidade em Geral Idades    de admissão – a partir dos 0 anos    limite do atendimento – não definida

Organograma da ASPorto


Endereços electrónicos da ASPorto – 2022

PÁGINA WEB – www.asurdosporto.org.pt

E-MAIL GERAL – asurdosporto@asurdosporto.org.pt

DIREÇÃOPresidente – presidente@asurdosporto.org.pt – Alfredo RomanoVice-presidente – vice.presidente@asurdosporto.org.pt – Tiago VieiraSecretaria – secretariarto@asurdosporto.org.pt – Lisa LopesTesoureira – tesoureira@asurdosporto.org.pt – Andreia RibeiroAssessoria Geral – armando.baltazar@asurdosporto.org.pt Armando Baltazar DEPARTAMENTO DE FORMAÇÃO – departamento.formacao@asurdosporto.org.pt – Armando Baltazar 

Notícias e comunicados

Com atualizações constantes e navegação descomplicada às notícias aqui divulgadas
Relatório de atividades e contas do exercício de 2021

Relatório de atividades e contas do exercício de 2021

Documentos aprovado em assembleia geral ordinária realizada no dia 26 de março de 2022 ver o

Plano de Atividades e Orçamento para o ano de 2022

Plano de Atividades e Orçamento para o ano de 2022

Documentos aprovados em Assembleia Geral Ordinária realizada no dia 06 de novembro de 2021. ver o PLANO

Relatório de atividades e contas do exercício de 2020

Relatório de atividades e contas do exercício de 2020

Documentos aprovado em assembleia geral ordinária realizada no dia 10 de abril de 2021 ver o

Plano de Atividades e Orçamento para o ano de 2021

Plano de Atividades e Orçamento para o ano de 2021

Documentos aprovados em Assembleia Geral Ordinária realizada no dia 07 de Novembro de 2020. ver o PLANO

Relatório de atividades e contas do exercício do ano de 2019

Relatório de atividades e contas do exercício do ano de 2019

Documentos aprovado em assembleia geral ordinária realizada no dia 27 de junho de 2020 ver o RELATÓRIO

Plano de Atividades e Orçamento para o ano de 2018

Plano de Atividades e Orçamento para o ano de 2018

Relatório de atividades e contas do exercício do ano de 2018 Documentos aprovado em assembleia

Portaria 163/2013 do Ministério da Saúde

Aprova as tabelas de preços a praticar pelo Serviço Nacional de Saúde, bem como o

Lançamento da Linha do Cidadão com Deficiência do Provedor de Justiça

Lançamento da Linha do Cidadão com Deficiência do Provedor de Justiça

VER DOCUMENTO >>

Medidas específicas de apoio à preparação e participação internacional das seleções ou outras representações nacionais

Medidas específicas de apoio à preparação e participação internacional das seleções ou outras representações nacionais

Decreto-Lei 45/2013 de 5 de Abril VER DOCUMENTO >>>

Direitos dos passageiros no transporte de autocarro

Direitos dos passageiros no transporte de autocarro

REGULAMENTO DA UE REGULAMENTO (UE) N.º 181/2011 DO PARLAMENTO EUROPEU E DO CONSELHO, de 16 de

Contacte-nos