Pescador Surdo-“MUDO” impedido de ir ao mar

ASPorto protesta energicamente…

Joaquim Gonçalves, de 58 anos e residente em Ferragudo, é surdo-mudo, mas desde cedo se habituou a governar a vida sem a ajuda de ninguém. Há quase quatro décadas que, sozinho e ao leme do seu pequeno barco, tira da pesca o seu sustento. Mas como nunca conseguiu tirar a carta de arrais devido à deficiência, a Capitania de Portimão não lhe renovou este ano a licença para ir ao mar. O pescador ficou sem poder ganhar a vida, enfrentando o desespero. 

Correio da Manhã – 15 de Fevereiro de 2007

 ver aqui A NOTÍCIA

ver aqui O PROTESTO DA ASPORTO

A Associação de Surdos do Porto (ASP), sendo uma Instituição Particular de Solidariedade Social (IPSS), mantém os mesmos objetivos desde a sua criação, que é defender os Direitos das Pessoas Surdas para que fiquem em pé de igualdade dos demais cidadãos, bem como zelar pelos seus deveres.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked*

Contacte-nos