ASP - Associação de Surdos do Porto

Início

Pedido de Informações

Contactos

Pesquisa

| 26 Abril 2017  | 2016/2017 - PARA OUVINTES - CURSOS DE LGP - VER INFORMAÇÕES NA SECÇÃO "CURSOS DE LGP PARA A COMUNIDADE OUVINTE"     2016/2017 - PARA OUVINTES - CURSOS DE LGP - VER INFORMAÇÕES NA SECÇÃO "CURSOS DE LGP PARA A COMUNIDADE OUVINTE"     2016/2017 - PARA OUVINTES - CURSOS DE LGP - VER INFORMAÇÕES NA SECÇÃO "CURSOS DE LGP PARA A COMUNIDADE OUVINTE"     

Qualidade

Departamento de Formação Profissional

CIPS - Centro de Integração Profissional para Surdos

Cursos de LGP para a Comunidade Ouvinte

Quem somos? O que fazemos?

Notícias e Informações

Informações em LGP

Os desenhos do Goulão

Porto a Cidade que amamos

A Surdez

Atividades (Plano e Relatório) e Contas (Orçamento e Relatório)

Ai que Saudades...

Comissão Provisória de Gestão

Cultura Surda

Cultura, Lazer e Juventude

Desporto

Diversos/Informações

Educação

Estatutos da ASPorto

Funcionários

Histórias de Vida

Legislação

Língua Gestual

Seniores Surdos

Surdez Cegueira

Ctilg

Cultura Surda  | 

Você precisa ser SURDO para entender


Autores: Willerd e Madsen
 
 
Como é "ouvir" uma mão?  
Você precisa ser surdo para entender!  
O que é ser uma pequena criança  
na escola, numa sala sem som  
com um professor que fala, fala e fala  
e, então  
quando ele vem perto de você  
ele espera que você saiba o que ele disse?  

Você precisa ser surdo para entender!  
Ou o professor que pensa  
que para torná-lo inteligente  
você deve, primeiro, aprender  
como falar com sua voz  
assim  
colocando as mãos no seu rosto  
por horas e horas  
sem paciência ou fim  
até sair algo indistinto  
assemelhado ao som?  

Você precisa ser surdo para entender!  
Como é ser curioso  
na ânsia por conhecimento próprio
com um desejo interno  
que está em chamas  
e você pede a um irmão, irmã e amigo  
que respondendo lhe diz:  
"Não importa"?  

Você precisa ser surdo para entender!  
Como é estar de castigo num canto  
embora não tenha feio  
realmente nada de errado  
a não ser tentar fazer uso das mãos  
para comunicar a um colega silencioso  
um pensamento que vem, de repente, a sua mente?  

Você precisa ser surdo para entender!  
Como é ter alguém a gritar  
pensando que irá ajudá-lo a ouvir  
ou não entender as palavras  
de um amigo que está tentando  
tornar a piada mais clara  
e você não pega o fio da meada  
porque ele falhou?  

Você precisa ser surdo para entender!  
Como é quando riem na sua face  
quando você tenta repetir o que foi dito  
somente para estar seguro que você entendeu  
e você descobre que as palavras foram mal entendidas?  
E você quer gritar alto:  
"Por favor, me ajude, amigo!  

Você precisa ser surdo para entender!  
Como é ter que depender de alguém  
que pode ouvir  
para telefonar a um amigo  
ou marcar um encontro de negócios  
e ser forçado a repetir o que é pessoal  
e, então, descobrir que seu recado  
não foi bem transmitido?  

Você precisa ser surdo para entender!  
Como é ser surdo e sozinho  
em companhia dos que podem ouvir  
e você somente tenta adivinhar  
pois não há ninguém lá com uma mão ajudadora  
enquanto você tenta acompanhar  
as palavras e a musica?  

Você precisa ser surdo para entender!  
Como é estar na estrada da vida  
encontrar com um estranho que abre a sua boca  
e fala alto uma frase a passos rápidos  
e você não pode entendê-lo e olhar seu rosto  
porque é difícil  
e você não o acompanha?  

Você precisa ser surdo para entender!  
Como é compreender alguns dados ligeiros  
que descrevem a cena  
e fazem você sorrir  
e sentir-se sereno com  
a "palavra falada' de mão em movimento  
que torna você parte deste mundo tão amplo?
 

Imprimir este artigo          Enviar este artigo por email

Para ler mais

Em defesa da LGP...

A Reconfiguração Política da Surdez e da Educação de Surdos em Portugal: Entre os Discursos Identitários e os Discursos de Regulação

AS MÃOS - Um Poema em LGP

O IV Congresso Nacional de Surdos em desenho

História de Per Aron Borg

NASCEMOS DA ÁGUA E À ÁGUA VOLTAREMOS

Descobrir Portugal... em Língua Gestual

Comunidade Surda quer uma melhor Integração

O Natal em Língua Gestual Portuguesa

Festa de Natal da ASPorto

Performance

Porque razão o Mirandês é Língua Oficial a a LGP não é?

A Língua Gestual Portuguesa no Ensino Superior

Patrícia Santos proporcionou-nos um Espectáculo inolvidável

Daniela Mercury com parceria especial de uma Surda em Palco

O Carnaval visto pelas Crianças Surdas

Uma Sessão Cultural - Ano de 2002

UNIDADE - Uma reflexão às Eleições na ASPorto e na FPAS

Ano Internacional do Desporto visto pelas Crianças Surdas

Ser Surdo

Ser Surdo... É ser Humano

Tens que ser Surdo para entender...

A Língua Gestual e o "Nacionalismo" dos Surdos

O Tempo flui

Silêncios feitos Gestos

A Unidade faz a Força

Algumas Fotos da Comemoração do Dia Mundial do Surdo - 2004

O direito a não se ser discriminado em razão da Língua

A Pessoa Surda e o Direito ao Silêncio

Cultura dos Surdos

Uma Minoria Linguí­stica e Cultural

Comunidade Surda: Que Futuro?

O Direito da Criança Surda a crescer Bilingue

Glossário Surdo

O País do Silêncio

Uma Canção em Lí­ngua Gestual

 

 

© 2003 - 2017 Associação de Surdos do Porto